Lars and the real girl

Num primeiro momento achei que seria mais um filme onde tenta se mostrar que não existe mulher perfeita. Por causa do título em português ("A garota ideal"), associei a alguns filmes que já assisti ("Her", "A mulher invisível" e "A namorada perfeita"). Fui convecida de que o filme não seguia essa linha e resolvi assiti-lo.

Me comovi com a história. Na verdade, o filme conta as dificuldades de um homem que sofreu traumas de infância (quem não sofreu?) e não consegue se relacionar com as pessoas "normalmente". O toque lhe incomoda muito! Mas apesar das suas dificuldades Lars é um rapaz dócil e atencioso, muito querido pelos que estão a sua volta.

Em determinado momento, Lars compra uma boneca inflável e a apresenta como sua namorada ao seu irmão e sua cunhada. Através de Bianca, sua namorada de plástico, Lars consegue ampliar seu convívio com a comunidade. A princípio todos ficam pertubados com a situação, mas acabam acolhendo a loucura de Lars. É um belo filme sobre empatia e amor. Aquele filme que renova nossas esperanças e afaga nosso coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário